Notícias > O QUE FICA DEPOIS DA FESTA? Fotografo: quem, como e porquê!

O QUE FICA DEPOIS DA FESTA? Fotografo: quem, como e porquê!

(de “O livro branco do casamento” pag.90-92, de Vera D’Orey Santiago Tânger)

“O FOTOGRAFO

Não poupe nesta área! As fotografias são o que real e verdadeiramente fica para a posteridade e traduzem o ambiente vivido, captam os momentos especiais, relembram só convidados presentes e fazem reviver a beleza que ambos espelhavam no dia do casamento.

Inicie a procura de um fotografo, bom e profissional, com antecedência porque, como em tudo, os bons são os primeiros a serem requisitados. Até pode ser que o primo ou o tio tenham jeito para a fotografia e as maquinas descartáveis espalhadas pelas mesas captem momentos engraçados, mas um fotografo profissional tem muito mais do que jeito – sabe sobre luz, postura, gestão de grupos, etc. Agradeça a intenção, mas opte por um profissional.

Contacte vários e veja alguns dos seus trabalhos e entenda como se identifica com a sua técnica. Convém que seja especializado em casamentos e festas com muitas pessoas e não tem necessariamente de pertencer a um estúdio muito grande. E importante que haja empatia entre só noivos e o fotografo porque ele (ou ela) vai passar grande parte do grande dia muito “em cima” do acontecimento.

A era digital (sem o custo da revelação) permite que se tirem milhares de fotografias, o que facilita a selecção final. Indague sobre só vários pacotes oferecidos – uns cobram à hora e um numero X de fotografias, outros cobram por fotografia e outros preferem vender o pacote todo, com ou sem álbum. Faça todas as perguntas, porque depois do facto consumado é sempre mais complicado alterar.

De acordo com o estilo do fotografo e as suas ideias, cheguem a um acordo e identifiquem os momentos importantes e alguns dos grupos imprescindíveis. Nas idas ao local da recepção procure descobrir a melhor vista ou espaço e no dia da festa use-a como fundo de algumas fotografias, embora um bom profissional apreenda depressa o melhor local.

O vídeo não tem a mesma força da fotografia e, se pensar quantas vezes reviu os vídeos de viagem ou festas, talvez não valha a pena.

Os momentos obrigatórios

Os noivos com:

A noiva com:

O noivo com:

<3 <3

Eis o que pensa Vera Tânger e tem mesmo razão! Outros momentos também muito bonitos que é sempre bom documentar: a chegada dos noivos ao local da cerimónia, a entrada do noivo na igreja, planos da decoração tanto da cerimónia quanto da festa, os noivos a brindarem com os convidados, a noiva a dançar com o pai e o noivo a dançar com a mãe, a entrega dos brindes, a despedida dos noivos se prevista durante a festa e sobretudo lindas fotografias dos dois juntos que traduzam a beleza e amor que vos unem.

E claro está, quem melhor da wedding planner vos pode ajudar na escolha dos lugares perfeitos, na realização de decorações particulares, na programação do tempo do noivado e do grande dia para que tudo corra bem e haja tempo suficiente para realizar essas esplêndidas fotografias sem “empatar” a festa?

(fotografia de : https://www.facebook.com/Primavera-Studios-750662158375070/)